Conheça Dorne

Dorne é uma das localizações mais legais do mundo de George R. R. Martin. Normalmente conhecemos Dorne pelo seu bom vinho.

Mas existe muito mais além disso. A primeira impressão que eu tive de Dorne quando li os livros, foi de estar em um jogo do Príncipe da Pérsia. Porém muito mais legal.

Mapa de Dorne com suas principais fortalezas

Dorne é a região mais quente de Westeros. A região é rochosa, montanhosa, árida e seca, e apresenta o único deserto no continente. Seus rios fornecem algumas terras férteis e mesmo durante um longo verão chove bastante e há outros suprimentos de água para manter Dorne habitável.  Recursos hídricos no interior são quase tão valiosos quanto ouro, e os poços são zelosamente guardados.

O dorneses descendem dos Roinares e de suas origens Ândalas e são conhecidos por sua liberalidade sexual.

Dorne fornece muitos produtos exóticos, que são incomuns no resto dos Sete Reinos, como frutas cítricas particulares e próprias Dorne e vinhos especiais. Limões, azeitonas e romãs vêm principalmente de Dorne. Muitas destas plantas são cultivadas com o auxílio de canais que trazem a água de correntes e rios. Dorne também é famosa pelo corcel de areia, um tipo de cavalo magro, mas rápido, criado apenas em Dorne, que pode correr por até dois dias antes de se cansar.

Os Primeiros Homens vindos de Westeros, atravessavam a ponte de terra do Mar Estreito chamado de Braço de Dorne. Durante a grande guerra com os Primeiros Homens, as Crianças da Floresta quebraram o braço em uma tentativa de deter sua chegada, criando assim o Braço Partido.

Arianne_martell

Arianne Martell Um dos mais importantes  membros da casa Martel.

Mil anos atrás, Dorne era uma liga de estados Ândalos e pequenos reinos, com nenhum governante forte o suficiente para assumir o controle de toda a região, até a invasão Roinar liderada pela lendaria Rainha Guerreira Nymeria. Ela fez aliança com Lorde Mors Martell de Lançassolar, e com o seu apoio conquistou toda a península, criando o Reino de Dorne com a Casa Martell como seu regente.

Rainha Nymeria

Rainha Nymeria

Espero que tenham gostado. Logo estaremos postando mais sobre os personagens da casa Martell.

Anúncios

Saiba mais sobre as Chuvas de Castemere

Charles Dance como Tywin Lannister

Charles Dance como Tywin Lannister

As chuvas de Castamere é uma canção famosa no mundo do Game of Thrones. A versão usada na série de TV foi gravado pela banda de rock norte-americana, The National, e aparece no Game of Thrones Soundtrack Season 2, bem como nos créditos finais para o episódio “Blackwater”.

A canção imortalizada com a destruição da Casa Reyne por Tywin Lannister. Casa Reyne foi destruída depois que eles se rebelaram contra seu senhor , Tytos Lannister, que foi percebido como fraco por seus própios vassalos . Para restaurar o domínio de Tytos Lannister , Tywin Lannister,  marcha contra os Reyne.  Até o final da rebelião, Castamere tinha sido incendiada e todos os membros da Casa Reyne executados.  O título é, portanto, um jogo de palavras, como as “chuvas” a cair nos corredores vazios dos “Reynes” que foram mortos até o último homem.
O leão vermelho dos Reyne confronta o leão dourado dos Lannister

As letras fazem forte referência ao fato de que o símbolo da Casa Reyne também era um leão, mas um vermelho em vez do leão dourado usado como o símbolo da Casa Lannister. A rebelião dos Reynes contra os Lannisters foi assim visto como um choque de leões.

Nas décadas seguintes Tywin jovem reafirmou o domínio da Casa Lannister, esmagando os Reynes, a canção “Chuvas de Castemere” se tornou muito popular entre os soldados Lannister, tornando-se um “hino nacional” não oficial da Casa Lannister . Isso se estende a tal ponto que até mesmo soldados Lannister às vezes se referem a ela simplesmente como “a canção Lannister”.

Veja abaixo Bronn cantanto essa canção um pouco antes da Batalha do Água Negra.